Black Sabbath e Johnny Cash em livros

Darkside Books traz a trajetória da banda Black Sabbath e LeYa lança “Cash”, a autobiografia de Johnny Cash

black-sabbath-3DBLACK SABBATH
Primeira biografia musical da Darkside Books, Black Sabbath, a Biografia – Destruição Desencadeada foi escrita pelo jornalista e músico Martin Popoff, e vem repleta de curiosidades e imagens feitas de fã para fã, com prefácio exclusivo de Andreas Kisser.

Para se aprofundar pelo processo criativo e os contratempos das gravações de cada disco, o autor teve acesso a todos os músicos que fizeram parte de todas as formações da banda precursora do metal em seus 45 anos – da formação à reabilitação contra as drogas – a partir de entrevistas exclusivas.

Todos os álbuns foram catalogados, as músicas esmiuçadas e cada turnê foi desconstruída – tornando esse mergulho pela memória do metal uma referência definitiva sobre a banda.

Ficha técnica:
Título: Black Sabbath, Destruição Desencadeada
Páginas: 360
Editora Darkside Books
1ª Edição
Ano: 2013
Gênero: Biografia
Idioma: Português
Preço médio: R$ 49,90
Lançamento: 07/10/2013

cashCASH
O homem de preto, como ficou conhecido pelos seus fãs, apresenta neste livro as memórias de uma vida conturbada, intensa, marcante e é claro, musical. “Está na hora de eu ir trabalhar, ou se preferir, brincar. Assim é que nós ciganos da música dizemos, afinal. Vou pôr minha camisa preta, afivelar meu cinto preto em minhas calças pretas, amarrar meus sapatos pretos, pegar meu violão preto e fazer um bom show para as pessoas desta cidade” Johnny Cash.

Um vozeirão sepulcral que virou uma lenda da música country. Um homem atormentado por três vícios: as anfetaminas, a música e o amor. Uma pessoa intensa, verdadeira, rebelde, contestadora, mas que cultivava um coração de ouro. Visto por muitos como um fora de lei mal encarado, mas que na verdade era um romântico sonhador. Muito mais do que uma lenda, Cash foi humano.

Escrito em primeira pessoa, a autobiografia relembra a infância pobre de John – como prefere ser chamado -, a relação com a família e a religião, o início da carreira, o encontro destruidor e quase mortal com as drogas, as histórias das estradas por onde andou com seu Unit One – o ônibus preto do homem de preto – e o encontro com June Carter, que mudou o rumo de sua vida.

O livro ainda apresenta toda a discografia de Cash – a edição brasileira inclui ainda álbuns gravados após o lançamento do livro, em 1997 – e a morte de Cash, em 2003.

Ficha técnica:
Título: Cash – a autobiografia de Johnny Cash
Páginas: 280
Editora Leya
1ª Edição
Ano: 2013
Gênero: Biografia
Idioma: Português
Preço médio: R$ 39,90

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *