Meus queridos ingressos…

Marcos Vinicios Lourenço iniciou sua coleção de ingressos no dia 19 de fevereiro de 2006

De acordo com o colecionador, o ato de guardar tickets de shows, cinemas e peças teatrais faz com que ele se lembre de momentos do cotidiano.

Marcos Vinicios Lourenço no Unibanco Arteplex Frei Caneca, em São Paulo (Imagem: tarcilaz)

Munique, Toy Story 3, wall-E, Os Simpsons, TitanicO Código da Vinci, Missão Impossível 3, Bruno, 2012, Assalto ao Banco Central foram alguns dos filmes conferidos por Lourenço, assim como os shows das bandas Radiohead, Scissor Sisters, Red Hot Chili Peppers (Rock in Rio 2011); e os espetáculos Mamma Mia e O Vale Encantado.

Há cinemas, como o Reserva Cultural, em São Paulo, onde os atendentes rasgam o ingresso quando o mesmo é apresentado na entrada da sala, mas o colecionador afirma que não deixaria de guardar o ticket mesmo ‘deteriorado’.

O acervo de Lourenço conta com mais de 100 ingressos (Foto: tarcilaz)

Economia

Você lembra quanto custava ir ao cinema em 2006, em São Paulo?
Apenas 6 reais (Inteira: 12 reais).

Comments
  1. odair | Responder

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *